terça-feira, 6 de outubro de 2015

MEIA MARATONA SHOPPING DA BAHIA FAROL A FAROL




A Meia Maratona Shopping da Bahia Farol a Farol foi minha 7ª participação na modalidade 21 km, 67ª corrida oficial e 71ª medalha conquistada.  Foi realizada em 04 de outubro de 2015 na bela orla de Salvador. 

Trata-se do evento mais esperado da cidade e este ano contou com a presença de mais de 2.000 participantes que completaram a difícil prova. 


Sabemos que a temperatura nesta época do ano no Nordeste é sempre muito alta, mas tem dias que São Pedro parece tirar folga e resolve não mandar sequer um ventinho para aliviar.

Foi o que aconteceu neste domingo, quando da realização da já tradicional Meia Maratona Farol a Farol.

A orla de nossa cidade é considerada uma das mais bonitas de todas as capitais nordestinas, seja pela sua extensão, como pela ausência de prédios muito altos, que facilita a ventilação. Mas nem isso ajudou!

Não é sem razão que a maioria dos corredores de Salvador prefere as provas realizadas nas cidades do sul, especialmente Florianópolis e Porto Alegre, mas também em São Paulo e Rio de Janeiro, quando aproveitam para tentarem melhorar seus tempos. Faz sentido.

O ideal, a meu ver, seria fazer as provas mais longas, mormente a Maratona (que este ano está marcada para 20/12/2015) e as meias no primeiro semestre, quando a temperatura via de regra é mais amena.

O que ocorre, em meu caso particular e com certeza da maioria dos atletas, é que preferimos treinar pela manhã, geralmente a partir das cinco/seis horas e também à noite. Assim, no dia das provas, cujo largada nunca acontece antes das sete horas, o corpo não está acostumado.

Quando fui morar na cidade de Sobral, no Ceará, no ano de 1972, cheguei no mês de maio. O calor já era intenso e quando comentava com os amigos, invariavelmente ouvia deles: “você não está vendo nada, calor mesmo é nos “b-erre--o-brós” (setembro, outubro, novembro e dezembro”). Esta máxima vale praticamente para todo o Nordeste.

Ainda bem que em todas as provas sempre tem as modalidades de cinco e dez quilômetros, o que garantem os sucessos dos eventos. Também não podemos deixar de considerar o problema do trânsito, que já é caótico normalmente e quando é fechado por mais tempo se torna insuportável, fazendo com que a população antipatize as corridas.

Esta foi minha sétima meia maratona e já me considero “experiente”. Com efeito, imaginando as dificuldades com a temperatura, planejei fazer com o tempo em torno de duas horas e trinta minutos, de modo que dividi o percurso em trechos de sete km, reservando 50 minutos para cada. Isso só foi possível no primeiro trecho. A partir do segundo, o que mais se via era corredor andando e confesso que tive vontade de fazer o mesmo. Naturalmente o planejamento não funcionou e os dois trechos finais fiz por volta de uma hora cada. 

Com ajuda dos amigos e outros corredores, consegui me manter correndo até o final, mas o tempo foi o mais alto de todas as meias que já participei, exatamente 02:50:07. Registro tão somente que parei algumas vezes para ajudar atletas que estavam em dificuldade, com câimbras e outros tipos de dores, já que levei comigo um pequeno tubo de “Gelol”, que foi muito útil e somente quem recebeu algumas borrifadas pode avaliar o benefício.

Também não podemos deixar de parabenizar a organização pela excelente hidratação que foi montada, com postos praticamente a cada quilômetro, bem como dois postos de isotônico, por sinal bem gelado e de ótima qualidade, o que foi fundamental. Eu tomei verdadeiros “banhos”, jogando água na cabeça!

Por conta das obras de requalificação da orla, no Rio Vermelho, Ondina e Barra,  a chegada este ano foi um quilômetro antes do Farol da Barra, mas precisamente no Clube Espanhol. Na verdade, o bom mesmo é descer a ladeira do Cristo vislumbrando a bela paisagem e chegar triunfante no Cartão Postal da cidade, o que espero venha a acontecer no próximo ano. 



Enfim, a Meia Maratona Shopping da Bahia Farol a Farol foi um sucesso, mas o calor foi “de rachar” e em que pese não ter tirado no seu brilho, certamente será o assunto mais comentado.

Galeria de fotos: 


 Antes de sair de casa, fiz esta foto para registro.

Ao chegar ao local da largada já encontrei os amigos da Triplaforma: José Arnaldo, Rose Azevedo e Paulo Mendes.

Katia Maltez, Antônio Fraga e outros corredores
 Também fiz estas fotos com os amigos da minha antiga Assessoria, Sport Run Club: Ellen Morado, Celso Nascimento, Antônio Fraga, Alzenir Barreto,  além de Cristina Cangussu e Terezinha Amorim 

 Amigos da Triplaforma

 Cearense Edivaldo Nascimento

 Rose Azevedo, ao lado de Vinícius.

 Corredores cearenses: Sidney Araújo dos Santos e Edvaldo Nascimento

 Celso Nascimento, Ellen Morado, Alzenir Barreto, Katia Maltez e Antônio Fraga

 Bel Andrade e Katia Maltez (as "grandonas"!)

 Ana Alice e Terezinha Amorim

 Ana Alice, Bel Andrade, Terezinha Amorim, Katia Maltez e Alzenir Barreto


 Edna Pio Pio, Bel Andrade e amiga

 Ney Guedes/esposa e Paulo Teixeira

 Maria Cunha e sobrinhos

 Prof Cláudio, da Triplaforma, comandando o alongamento

Amigos da Assessoria Breakit, com a camisa prestigiando a campanha "outubro rosa"!

Amigos da Triplaforma


Conterrânea Cristiana Dias.


O percurso que nos esperava. (21.4 km) 

E assim foi o começo e durante o trajeto


Wilson Cerquera e Cristiana Dias, "companheiros de viagem"!

Água, muita água!




Passagem pelo Jardim de Alá






Passagem pelo Jardim dos Namorados
Chegada em Ondina


Reta final, contando com o apoio das amigas da nossa antiga Assessoria, Sport Run


Chegada no Clube Espanhol



 Após a chegada, com os casais amigos Paulo Teixeira/esposa, Ney guedes/esposa
 Casal amigo, Jacilene e Cezar Augusto Fontaneli
 Com o amigo veterano José Barros Amorim

Amigos  Bruno Fraga e seu pai Edmundo

 Fernando Andrade
 Cristiana Dias, Everaldo Pereira e Fernando Andrade
 Everaldo Pereira e Fernando Andrade
 Antônio Alves
 Januário Megale
 Pai da amiga Carolina Gonzaga


Alzira e amigos

 Cristiana Dias
 Wilson Cerquera, que completou sua primeira meia maratona!
 Wilson Cerquera e amigos de Feira de Santana
 Casal Kleber e Camila Mariano
 Galera da Triplaforma


 Até breve....











16 comentários:

  1. Grande Amâncio,
    Gostei deste negócio do BRE-O-BRÓ..rs.
    Calor e umidade alta o negócio é este mesmo: administrar.
    Parabéns por mais esta.
    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu campeão! De fato este "b-erre-o-Bros" é ótimo e o cearense pronuncia de forma engraçada! Foi o que fiz mesmo: administrei e me dei bem. Afora a perda de umas duas unhas, pois terminei encharcando o tênis com os "banhos" no mais foi tudo bem e cheguei quase inteiro! Um braço

      Excluir
  2. Vc é um grande exemplo José Amâncio, um parabéns enorme pra vc meu amigo.... sou sua fã!!!
    Um forte abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado pelo carinho minha amiga Bel! TB sou seu fã! Abr

      Excluir
  3. Parabéns, Amâncio!!! Quero chegar na sua idade com sua garra e dedicação!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Elisângela! Muito obrigado. Continue treinando que VC chega sim! Um abraço

      Excluir
  4. Parabéns, Amâncio!!! Quero chegar na sua idade com sua garra e dedicação!!!

    ResponderExcluir
  5. Parabéns amigo!! Vou treinar forte até a próxima pra tentar completar a minha primeira meia nessa bela Cidade e com sua consultoria e companhia!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado amigo Noélio! Você já está preparado para fazer uma meia! É só querer. Difícil vai ser para mim lhe acompanhar, mas com certeza teremos o prazer de largarmos juntos! Um grande abraço

      Excluir
  6. Parabéns amigo!! Vou treinar forte até a próxima pra tentar completar a minha primeira meia nessa bela Cidade e com sua consultoria e companhia!

    ResponderExcluir
  7. Isso José Amâncio.
    Por mais que a gente treine pela manhã, as provas deveriam ser mais cedo.
    Começar ainda escuro....
    Meia maratona com largada às 7h no solzão é inclusive perigoso. É nessas ocasiões que acontecem a grande maioria das mortes em corridas de rua. A organização deveria pelo menos pensar nesse aspecto para se prevenir de incidentes...
    Mas parabéns por mais essa meia!
    Quem sabe em 2016 não estarei fazendo essa mesma proca com vc?!
    Abraço!
    Lia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amiga Lia, você que já correu praticamente no mundo todo, tem autoridade para opinar! Correr em altas temperaturas é "esparro" mesmo! Preocupante na verdade, pois vi muita gente passando mal desta vez! De outro lado, não deve ser fácil programar para largar muito cedo, pois tem os problemas de logística, transporte, etc! Enfim, só nos resta torcer para que não haja mais mortes.
      Tomara que dê certo para você vir em 2016! Antes nos veremos aí em Fortaleza, se Deus, no início do ano (março/abril), quando deverei ir para um Congresso. Se não tiver uma corrida oficial, faremos um longão. Forte abraço

      Excluir
  8. Amâncio querido, que prazer correr ao seu lado, mesmo que seja um trechinho. Exemplo! Parabéns, meu amigo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grande Cissa! O prazer foi meu! Você ilumina por onde passa! Sua garra e determinação são contagiantes! Um abraço

      Excluir
  9. Amâncio querido, que prazer correr ao seu lado, mesmo que seja um trechinho. Exemplo! Parabéns, meu amigo!

    ResponderExcluir